O que podemos aprender com Dana Scully e Fox Mulder?

Arquivo X (ou X-Files, nos Estados Unidos) foi uma das mais premiadas séries de ficção científica da televisão. Criada por Chris Carter, ganhou incrível popularidade e tornou-se um marco da cultura pop na década de 90, influenciando e atraindo a atenção de milhões de espectadores curiosos no mundo todo.

Particularmente, confesso que só comprei minha primeira televisão colorida e adquiri uma assinatura de TV digital por causa dessa série. Apesar de ter a disposição mais de 120 opções de canais, por quase dois anos, minha TV só era ligada em um deles, no mesmo horário e somente em um dia da semana – quarta-feira às 21h00. Assim como muitos da minha geração, tornei-me um X-Files maníaco.

Mas não é sobre a série que gostaria de falar neste artigo.

Meticulosamente criados por Chris Carter, os personagens da trama – os agentes do FBI: Dana Scully (Gillian Anderson) e Fox Mulder (David Duchovny) – possuem alguns padrões de conduta profissional e comportamental que podem servir de exemplos para todos nós. Dentre eles gostaria de citar: 

1.  Foco nos resultados

Apesar da grande complexidade de situações as quais os personagens eram submetidos, eles jamais perdiam o foco nos resultados que almejavam. Manter o foco no resultado estabelece o argumento de um modo objetivo e estimula você a agir sempre numa mesma direção. Quanto mais concentrado no resultado você estiver, mais sentirá encorajado a atingir seu objetivo de maneira rápida e eficiente. 

2.  Reputação construída pela ação

Dana Scully e Fox Mulder construíram uma imagem sólida de inteligência e confiança (até mesmo para os telespectadores do mundo real) pelas ações de seus atos. Não importando em que situação se encontravam, o exemplo era dado, não apenas pelas palavras, mas pelas ações baseadas em princípios pessoais e profissionais em que acreditavam e em padrões éticos definidos pela corporação em que trabalhavam. Lembre-se: construir uma reputação leva décadas, mas para destruí-la, bastam alguns segundos. 

3.  Crença nos seus princípios

Constantemente ridicularizados pelo tipo de trabalho que faziam – e que, dentre outras coisas incluía investigação de atividades paranormais e casos extraterrestres –, Dana e Mulder nunca descartavam nada sem ter todas as evidências concretas para uma explicação dos fatos. Nenhum caso era menosprezado por mais absurdo que parecesse. Isso estimulava a visão dos fatos por perspectivas inteiramente novas, permitindo juntar mais provas e evidências do que a maioria dos outros agentes. 

4.  Networking especializado

Apesar da alta graduação e do extenso conhecimento geral dos dois agentes, Fox e Dana possuíam uma rede de amigos com especializações nos mais diversos campos do conhecimento. Isso fazia com que a informação fosse obtida com maior rapidez e precisão. Saiba montar sua rede de relacionamento com os mais diversos tipos de conhecimentos e especialidades. Descubra quem sabe e o quê. É importante ter fontes de informação dentro e fora da empresa. 

5.  Respeito às hierarquias

Dana e Fox reconheciam a importância dos seus chefes e superiores para o apoio que necessitavam em certas situações. Em cima desses relacionamentos, eles conseguiam construir seu círculo de informações e acessos. Não importa o que você pense sobre o seu chefe, aja sempre com respeito, afinal, o trabalho dele é justamente gerenciar você. 

6.  Saber em quem confiar

Ao longo da série, começamos a perceber que nem todos da equipe eram de confiança. Muitos tentavam confundir ou sabotar as investigações que estavam sendo conduzidas por nossos heróis. Incrivelmente, ao longo dos episódios, eles desenvolveram critérios que podiam ser utilizados para delimitar a confiabilidade que uma determinada pessoa tinha, não importando o seu cargo ou nível hierárquico. Observe sempre as pessoas a sua volta, o tempo determinará quais são de confiança ou não. Se você não conseguir diferenciar aqueles em que pode confiar, poderá ter grandes problemas.

Das lições acima podemos citar mais uma: é possível aprender de diversas maneiras, até mesmo com filmes de ficção científica. Os ensinamentos estão em todos os lugares, temos apenas que ter olhos para percebê-los e interpretá-los, sem restrições e sem preconceitos.

Até a próxima…

Deixe sua opinião!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s